Coberturas, Festivais e Shows, Natal, Notícias

COMO FOI? SEGUNDO DIA DO FESTIVAL DOSOL WARMUP

Mesmo com a chuva torrencial que lavou Natal durante a madrugada de sábado e boa parte do domingo, o segundo dia do Festival Dosol Warm Up contou com excelente público, chegando novamente a casa de 300 pessoas rotativas dentro e fora da Casa da Ribeira. Quase pontualmente o Sem Horas da Paraíba começou seu set com um show ainda verde mas com muito potencial. A banda, ainda em formação, promete pro futuro.

Marlos Ápyus e Caio Vitoriano assumiram o palco logo depois para falar de web designer e designer, seus conceitos e preocupações. As falas foram bem objetivas e deu para esclarecer a extrema importância que termos que ter com a imagem e o tratamento que damos ao nosso trabalho.

Depois da exibição do documentário do Festival Dosol 2007 o ataque sonoro continuou com a apresentação do Et Circenses, grupo cearense que veio à Natal lançar seu cd homônimo. A banda fez um set excelente, poderoso e melódico com música acima da média. Nota 10.

Logo após o show do Et Circenses veio um dos momentos mais aguardados do WarmUp, a palestra do “bamba” Eduardo Pinheiro sobre gravação, preparativos e afins. Eduardo é um gênio da mixagem e ainda bem que mora em Natal e gosta de rock. Sua palestra foi muito boa, bem humorado, esclarecedora e deve servir como aprendizado para quem estava na platéia e pretende registrar áudios em breve. Impecável!

Com a sala lotada e muita gente em pé o WarmUp apresentou a últimas atrações da noite: o documentário Independência na Terra do Sol e os potiguares do Seuzé. Foi a melhor apresentação dos zés que já vi. As novas músicas estão somando muito no repertório, a aquisição de equipamentos tornou o grupo altamente profissional somando-se a isso tudo ao já conhecido talento dos quatro. O Festival Dosol Warm Up não podia (e nem merecia) ter terminado melhor.

O Dosol agradece o público, as bandas, os palestrantes, a Casa da Ribeira e os apoiadores: Itaú Cultural, Digizap e Oi Futuro!

4 Comments

  1. muito massao warm up!
    banda muito legal essa SEM HORAS, gostei.
    palestra do eduardo bastante esclarecedora e engraçada!
    festival dosol esse ano promete!!!

    CARBONAAAAAAAAAAAA!

  2. Aê foca, parabéns pela iniciativa, estive nos dois dias, gostei mto. Legal ver a cena do rock em natal caminhar, e com projetos como esse, eh q faremos o rock estar no lugar q merece, naum ficar no esquecimento ou ser apenas musica de “jovens revoltados”, gostei mto…

    palestrantes bem escolhidos, legal o documentário “Independência na Terra do Sol”. Precisamos estabelecer nossa cutura em relação ao Rock..naum ficar apenas dando valor ao q eh de fora e sim abrir os olhos pra cena local, q eh mto rica e mto criativa.

    casa da ribeira,mto bom o espaço, climatizado, confortável, rústico… Cenário ao nível do evento. parabéns..

    precisamos de mais eventos como esse na nossa cidade, para q a galera possa sacar a verdadeira essencia da cultura, e atrelando a isso, a cultura do nosso estado e da nossa cidade, naum apenas ouvir…colocar o som no mp4 e ficar viajando…más sim saber o real motivo do trabalho de quem faz som. e por fim, galera vamo abrir os olhos para os trabalhos independentes e alternativos daqui, da nossa terra..pois eh mto rico nesse aspecto, e a galera naum dah valor pelo simples fato de ser daqui…mania feia do povo de natal…soh dah valor a o q eh de fora.

    vamo mudar isso, q com o rock podemos enxergar vários horizontes em relação a musica, naum podemos nos limitar, temos q passar a ouvir novos sons, entemder novas tecnicas de musica, mixagens, a introdução da eletronica na musica, dando um poder a mais..ou seja…naum podemos nos limitar apenas a o q gostamos e sim valorizar o trabalhoda galera q quer ver da cena independente de Natal ir pra frente.

    o rock eh o rock…musica eh musica!

    falow aê..abraço aê pra geral!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *