Matérias Especiais, Natal, Notícias

ROCK POTIGUAR: AGREGADOS E FDR DE VOLTA!

Conteúdo original retirado do Jornal de Hoje

Agregados FDR: “Sem fronteiras”

Grupo potiguar utiliza novas tecnologias na gravação do segundo CD que já vendeu mais de 500 cópias em duas semanas, por R$ 5

Há quase dez anos, o Agregados Família do Rap tem trabalhado na conquista e consolidação de seu espaço no cenário musical brasileiro. Conscientes de que este é um processo lento, a grupo formado por Alexandre Taurus, MC Paulão, MC Fábio Mago e DJ Samir começa a contabilizar as conseqüências positivas de sua trajetória, inclusive com a boa receptividade que o segundo disco, intilulado “Sem fronteiras” está tendo.

Finalizado depois de mais de um ano de produção, “Sem fronteiras” chegou ao mercado potiguar há um mês e já contabiliza mais de 500 unidades vendidas em pouco mais de duas semanas. De acordo com a assessora de imprensa do Agregados FDR, Juliana Manzano, a demora na conclusão deste trabalho foi causada pelo número de participações nas faixas e, especialmente, pela tecnologia utilizada neste material.

Segundo Juliana Manzano o grupo conheceu a tecnologia chamada Semi Metallic Disc (SMD) que barateia o custo do CD. “Optamos pela utilização deste método de gravação, o que torna o grupo pioneiro no Estado. Com o SMD a qualidade continua a mesma, porém, a diferença na forma de digitalização diminui a capacidade de 80 para 60 minutos. Além disso a impressão da capa é feita em papel cartão, tudo isso contribui para a diminuir o custo do produto final. Por isso, o CD está sendo vendido pelo preço de R$ 5, o que é ótimo porque concorremos diretamente com a pirataria ajudando a expandir nosso trabalho e alcançar um público maior”, enfatiza.

Juliana Manzano atribui à prática do preço acessível a boa vendagem do segundo álbum do Agregados FDR. “No momento em que disponibilizamos no mercado um disco original por R$ 5, as pessoas optam por adquirir este material no lugar do CD falsificado, comercializado por R$ 3. É diferente do preço oferecido normalmente, que chega a R$ 40, por exemplo. A receptividade tem sido tão boa que estamos viabilizando a segunda tiragem de mil exemplares”, revela.

Com um repertório criado sob influências diversas como Snoop Dog, Chico Antônio, Ascenso Ferreira, Thaíde, Nitro DI, Sabotage, Buena Vista Social Club, Chico Science, Ludacris , Tupac, dentre outros, o grupo ressalta que tem dificuldades em definir o estilo de sua música. “Não há restrição a um estilo, idéia ou concepção. A música do Agregados faz uma viagem pelo Rap, misturando todas as influências, internacionais e nacionais, inclusive nordestinas. Vamos da embolada a black music”, ressalta a assessoria.

Com 15 faixas inéditas, Juliana Manzano ressalta que, desta vez, o grupo resolveu investir em participações especiais, principalmente na parte melódica. Entre elas, João Batista, ex-participante do FAMA, reality-show musical da Rede Globo, na música “Lembranças”. O disco também conta com a participação de rappers como Black I, Kalyne e Kbssa, além de Laine que já vem fazendo alguns shows com o grupo.

As músicas “Relaxe” e “Malokerage” estão tocando nas rádios e já fazem sucesso entre os adeptos do hip-hop. Já “Lyon” é uma homenagem ao eterno agregado Lelo Melodia, um dos fundadores do grupo, assassinado em Recife, em 2003. “Fizemos essa música como forma de manter o seu legado, de lembrar dele como pessoa e, principalmente da forma como o perdemos”, revela Taurus.

O disco está sendo vendido de forma informal, em pontos de vendas como bares, cigarreiras e encontra-se também no Shopping Popular e em George Tattoo, no Centro para facilitar o acesso ao produto.

Uma seqüência de iniciativas bem sucedidas colocou o grupo Agregados FDR em posição de crescente assédio da mídia e reconhecimento da crítica e do público. Os resultados alcançados, tanto por meio da música de qualidade e do vigor dos shows como pela ampla divulgação no elogiado clipe “Orgulho” que obteve grande aceitação no meio especializado, incluindo a MTV Brasileira e o Canal Multshow da Globosat, possibilitou ao grupo deixar sua marca de maneira criativa, ousando misturar informações e referências musicais.

O Agregados Família do Rap está em processo de organização da agenda, abrindo contatos para novos shows, inclusive com planos de fazer o lançamento do “Sem fronteiras”, que foi mixado em São Paulo, em Natal. “A idéia é fazer este evento primeiro aqui, que é, nossa casa, depois partir para Recife, que é uma cidade que sempre nos recebe muito bem e, em seguida, ganhar o mundo”, enfatiza Juliana Mazano.

Repórter: Élida Mercês

2 Comments

  1. Quem lançou um disco em SMD ano passado e que junto vem uma revista que vira pôster e tem as letras das músicas foi a banda The Feitos. O lançamento foi da Gravadora Discos que é de Gabriel Thomaz do Autoramas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *