ASSISTA MINI-DOC SOBRE A ETAPA DE CARNAVAL DO CIRCUITO CULTURAL RIBEIRA 2016

cicuito

O carnaval da Ribeira foi lindo com a volta do Circuito Cultural Ribeira e suas atividades. Grande momento de reencontro com a cultura do bairro misturando gente e alegria em pleno carnaval. confira como foi essa volta no mini-doc abaixo!

CONFIRA O ÚLTIMO CAPÍTULO DO “POR DENTRO DO ESTÚDIO” COM LUIZ GADELHA E OS SUCULENTOS

sucu 02

O disco de Luiz Gadelha e os Suculentos está 100% gravado e agora parte para mixagem e masterização. Ao todo foram 09 músicas registradas e o lançamento está previsto para logo depois do carnaval! Demais. confira o último capítulo da nossa visita ao estúdio.

CAMARONES ABRE TOUR 2016 COM OITO DATAS NO NORDESTE

VERÃODOSOL

E continua bastante intensa a agenda do Camarones Orquestra Guitarrística, um dos grupos que mais tem feito tours pelo país. A banda divulga seu disco mais recente intitulado Rytmus Alucynantis em tours pelo país desde o ano passado e esse ano promete. A primeira gig de 2016 vai rodar o Nordeste com shows em Recife, João Pessoa, Natal, Maceió, Aracaju e Fortaleza (Arapiraca e Sobral também estão no roteiro mas com datas ainda não confirmadas).

A banda também já tem agendamento para duas tours internacionais. A primeira em fevereiro/março vai rodar a América do Sul com shows na Argentina, Chile e Uruguai. A segunda está agendada para setembro com shows já confirmados na França, Alemanha, Suécia e Dinamarca. O grupo de prepara também para lançar um digipack e um vinil do trabalho mais recente, o que deve acontecer ainda no primeiro semestre.

Ouça Rytmus Alucynantis no player!

ARTIGO: RIBEIRA VIVA, O CIRCUITO CULTURAL RIBEIRA ESTÁ DE VOLTA!

Por Anderson Foca

O Circuito Cultural Ribeira está de volta e com força total. Para quem não está tão ligado no que se trata um pequeno resumo. O Circuito Cultural Ribeira foi desenvolvido pelo Dosol e pela Casa da Ribeira durante dois anos e finalmente realizado no ano passado. A atividade nasceu para dar visibilidade aos equipamentos culturais existentes no bairro da Ribeira, juntando num domingo por mês uma vasta programação cultural oferecida gratuitamente para a população.

Todas as etapas do ano passado reuniram mais de 200 artistas das mais variadas áreas da cultura (e de vários lugares do país), ocupando ao todo 14 espaços e a maioria das ruas do bairro histórico da Ribeira. A atividade também foi sucesso de crítica e público, colecionando matérias destacadas na imprensa local e reunindo ao todo quase 100.000 pessoas em todas as edições.

Neste ano o Circuito Cultural Ribeira começa dia 12 de agosto e vai acontecer sempre no segundo domingo de cada mês. Estamos garantidos até o mês de abril (dando uma pausa em janeiro para as férias), mas a ideia é que de agora em diante o projeto seja contínuo, sem intervalos até termos fôlego e patrocínios para isso.

Outra novidade para esse ano é que o projeto também passa a ser reconhecido com uma plataforma de potencialização de atividades culturais do bairro da Ribeira. Para isso já catalogamos eventos culturais que acontecem pelo bairro e integramos tudo ao circuito. Eventos como Festival Dosol, Chamada Carnavalesca do Rock e Cena Aberta farão parte das atividades do Circuito Cultural Ribeira além de outros que ainda estão tendo parceiras firmadas.

Para o último mês do ano, também usando a plataforma do circuito e seus espaços culturais, está sendo programada a primeira Virada Cultural de Natal. Já estamos trabalhando e costurando uma verba complementar para que possamos realizar o evento. Um sonho que começou a ser pensado ano passado mas que não conseguimos realizar. Esse ano rola!

Para os artistas também temos um batalhão de novidades. Neste ano o Circuito Cultural Ribeira vai realizar um grande edital de ocupação da plataforma. Artista de todo o RN poderão se inscrever de maneira clara e democrática e concorrer às vagas. Música, Artes cênicas, Dança e Artes Plásticas são as expressões culturais contempladas. São 128 vagas disponíveis (100 através do edital), todas com boa ajuda de custo prevista no projeto. O edital será lançado dia 25 de junho e fica aberto até 25 de julho.

Além das atividades festivas e de celebração que o Circuito Cultural Ribeira proporciona, também oferecemos atividades de pensamento e dabates sobre os mais variados assuntos que envolvem cultura e educação patrimonial. Serão cinco ciclos de palestras e debates realizados sempre aos sábados pré-circuito.

Está feito um resumão de tudo o que vai rolar esse ano no Circuito Cultural Ribeira agora é trabalhar seguir em frente, contando com a participação da comunidade cultural da cidade, órgãos públicos, apoiadores privados e principalmente o público que sempre nos prestigia e faz isso tudo fazer sentido. Vai ser bonito!

Ribeira ontem, hoje e sempre.

CLIPPING: ENTREVISTA DE ANDERSON FOCA PARA O BLOG ALTNEWSPAPER

O Anderson Foca é uma das figuras mais conhecidas da cena independente do nordeste, mais que isso, se faz presente frequentemente na cena nacional. Seja tocando, seja produzindo, discutindo música e cultura. Já teve banda de hardcore, de rock alternativo, grunge e de uns anos pra cá tem uma banda de rock instrumental chamada Camarones Orquestra Guitarristica, uma das bandas independentes que mais faz shows pelo Brasil. Abriu o estúdio e selo DoSol para ensaio e gravações de bandas independentes na cidade de Natal em 2001,  ja abriu um bar que virou um Centro Cultural, além de shows pagos e gratuitos de bandas locais e de todos os lugares do Brasil, funciona como um ponto de encontro do independente potiguar no bairro da Ribeira, centro histórico de Natal.

Realiza o festival DoSol desde o ano de 2002, sendo um dos festivais independentes mais importantes do Nordeste atualmente e um dos mais divertidos. No portal DoSol, aparecem vários vídeos produzido pela marca, além de discos de bandas gravadas no estúdio e lançadas pelo selo. É uma produção insana, não passa um mês sem aparecer alguma coisa nova, fora as datas e eventos agendados com folga e muita organização. Com a necessidade de expandir-se dentro do Rio Grande do Norte, o DoSol anunciou um novo espaço na cidade de Mossoró no final do mês passado. Aqui você lê uma entrevista com Anderson Foca, falando sobre a banda, a cena potiguar, o cenário nacional, novidades do Festival DoSol 2012 e contando um pouco da historia de quem tem se dedicado inteiramente a música independente desde 1997!

LEIA O RESTO AQUI

PROGRAMAÇÃO CULTURAL COMPLETA DO SBPC 2010 EM NATAL (RN)

calistoga dosol

Com palco para as ações do Festival Dosol entre outras atividades de cultura do RN o SBPC Cultural anunciou o lineup completo com destaque o show de encerramento com Tom Zé. No palco Dosol vai ter Camarones Orquestra Guitarrística, Calistoga e Planant, rola no Circo da Luz que va ficar na praça Cívica do Campus, dia 28 de julho das 17h às 19h com entrada gratuita. Confira programação completa:

ESPAÇOS / AÇÕES
A edição 2010 da SBPC Cultural terá um papel importante na programação da 62ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, haja vista sua inserção num contexto de diálogo da ciência com a produção cultural. Com essa perspectiva, todas as ações integrantes da SBPC Cultural foram concebidas em bases sustentáveis, criativas e impulsionadoras da percepção crítica e reflexiva sobre a realidade cultural local e nacional, criando assim interfaces com as novas diretrizes presentes nos grandes debates sobre cultura no Brasil. Continuar lendo

FORMAÇÃO, DIVERSÃO E VANGUARDA: MINI-CURSO DE BAIXO APLICADO AO ROCK COMEÇA HOJE

jeff-net

Hoje começa mais uma etapa do projeto Formação, Diversão e Vanguarda aqui no Dosol. Essa próxima etapa do projeto será um mini-curso de baixo que vai ter como instrutor Jefferson Soares, baixista respeitado, formado na UFRN e que toca com diversos músicos e bandas da cidade.

Só lembrando que nesse primeiro dia o horário é às 19h (aproveitando o feriado). Quem não souber onde fica o Estúdio dosol pode dar uma ligada para gente no 3642-1520. Os alunos inscritos são os seguintes:

GUSTAVO ROCHA
JOÃO PAULO SILVA
CRIS BOTARELLI
HELDER FÁBIO
ALYSON SOUZA
DENNER SANTIAGO
LUCAS RAMON DE MELO
RENNO FRANK DE MELLO
LUIZ FELIPE
LEANDRO MENEZES
RENATA DA COSTA SOARES
LUCAS MATHEUS ARAUJO
ANA MORENA TAVARES
LUIS EDERICK DE SOUZA

O Formação, Diversão e Vanguarda é uma continuação das atividades do Festival Dosol que teve patrocínio da Oi dentro do projeto Oi Futuro (renovado para 2009), Praia Mar Hotel e Diginet, através da Lei Municipal Djalma Maranhão e Lei Estadual Camara Cascudo.

SERVIÇO
O QUE? Projeto “Dosol: Formação, Diversão e Vanguarda”
AÇÃO? Mini-curso de baixo aplicado ao rock, instrutor Jeff Soares
QUANDO? De 21 a 24 de abril, 19 e 20h
ONDE? DOSOL ESTÚDIO
INSCRIÇÕES? Gratuitas no email assessoria@dosol.com.br
INFORMAÇÕES? Anderson Foca – ASSESSORIA@DOSOL.COM.BR

FEIRA NOIZE REUNE PRODUÇÃO INDIE EM NATAL

feiranoize

O Coletivo Noize irá promover uma feira no espaço Calígula no dia 2 de abril das 16h às 23h. A feira tem como objetivo incentivar e divulgar os produtos de anônimos, seja por confecção manual ou não. Além de tentar reviver antigas feiras que aconteciam na Rua Chile.

Para quem desejar expor, o e-mail para solicitação de stand é: claracrocodila@yahoo.com *Deve ser encaminhado com fotos dos produtos e um argumento com um breve historico do expositor. Será disponibilizado uma mesa para cada expositor que não pagará nada pelo serviço. A entrada também será gratuita.

O Dosol vai está com uma banca de discos novos e usados, camisetas, adesivos, entre outros adereços.

Além disso, a feira irá contar com a discotecagem de:

Gustavo Rocha (Coletivo Noize)
Gabriel Souto (DuSouto)
Michel Heberton (Lo Que Sea)
S.U.N. (Universo Paralello)
Jair Rodgofer

Serviço:
Entrada: FREE
Dia: 2 de abril (quinta-feira)
Hora: das 16h as 23h
Local: Espaço Calígula – Rua Chile; Ribeira

COMO FOI? DIVERSÃO, FORMAÇÃO E VANGUARDA – 2ª EDIÇÃO

fdv-04
Foto: Camarones em ação para um bom público

Sábado chuvoso pelo Centro Cultural Dosol ainda em clima de ressaca com o rock que rolou pesado no carnaval. Mesmo assim mais de 100 pessoas acompanharam a programação da segunda etapa do Formação, Diversão e Vanguarda, projeto capitaneado pelo Dosol com apoio do Coletivo Noize e Xubba Musik.

A programação começou com a exibição do documentário “Classic Album – Nirvana” mostrando os bastidores da gravação de Nevermind, um dos discos mais importantes da história do rock mundial. Alguns perderam a hora (uma das características do projeto é começar exatamente no horário, até por uma questão de educação com aqueles que chegam cedo) mas do meio pro fim já tinham mais de 50 espectadores sentados e em pé para ver a exibição.

fdv-03
Foto: Workshop de Guilherme Borges

Já com o Dosol cheio (dentro do programado pelo projeto) Guilherme Borges, músico paraibano, fez demostração e falou um pouco de pedais e amps handmade. A conversa se extendeu bastante e para não ficar tarde e atrapalhar a programação resolvemos continuar o bate-papo usando o hall do bar enquanto montávamos a apresentação do Camarones Orquestra Guitarrística. Como prometido aqui vai o email dele para quem quiser fazer encomenda ou conversar mais sobre o assunto: theborges@hotmail.com

fdv-05
Foto: Dante Augusto e Daniel Araújo em ação no Dosol

21h o quinteto começa o ataque para um púbico bastante diferente e eclético. Tinha até gente bem mais velha na platéia, fruto dos últimos shows e do hype em volta do nome da banda. Já disse e repito, a turma está no automático fazendo um show atrás do outro tornando o trabalho sólido e muito bem feito. Sábado não foi diferente.

Tivemos o público ideal para esse tipo de ação. Aguardem os próximos passos do projeto com o mini-curso avançado de baixo e o Festival Nordeste Independente.

Fotos: Rafael Cunha

PS: Em breve saem os vídeos das duas primeiras etapas do projeto feitos pelo Coletivo Noize.

HOJE: FORMAÇÃO, DIVERSÃO E VANGUARDA: 2ª EDIÇÃO

pedaisnet

É hoje a 2º edição do Formação, Diversão e Vanguarda no Centro Cultural Dosol. A programação é toda gratuita (com entrada limitada a 70 pessoas) e tem apoio insitucional da Diginet, CEI e Praia Mar Hotel. Toda a organização do projeto é do Dosol em parceria com o selo Xubba e o Coletivo Noize. Confira a programação deste final de semana:

HOJE, DIA 28 DE FEVEREIRO
Dosol: Formação, Diversão e Vanguarda
19h – Exibição do Classic Album Nirvana
20h – Work shop com Guilherme Borges (PB) – Pedais e amplificadores
21h – Jam session Guilherme borges e Camarones Orquestra Guitarrística

ENTRADA FREE!

CENTRO CULTURAL DOSOL INICIA PROJETO “FORMAÇÃO, DIVERSÃO E VANGUARDA” HOJE!!!!

bruno-dosol

Aberto há mais de quatro anos, o Centro Cultural Dosol localizado na Rua Chile, Ribeira, sempre foi reconhecido por ser o reduto dos shows de rock, música de vanguarda, festivais e ações voltadas à música jovem. Para 2009, o espaço cultural capitaneado pelo grupo de trabalhos culturais Dosol vai avançar ainda mais nas ações que promovem formação de público e artistas e suas vertentes com o projeto “Formação, Diversão e Vanguarda”.

Serão organizadas durante o ano várias ações como exposições, workshops, shows gratuitos, exibição de filmes e documentários e palestras. Tudo com entrada gratuita e acesso livre para a população. “Todo o projeto está enquadrado na Lei Djalma Maranhão e já temos gente como a Diginet e o Praia Mar Hotel apoiando, o que nos permiti pelo até menos o meio do ano realiza-lo, duas ou três vezes no mês. Somos um ponto real de cultura e é isso que estamos demonstrando durante todos esses anos com o Centro Cultural e as ações do Dosol como um todo durante o ano”, diz Foca, coordenador e curador do projeto.

HOJE , dia 06 de fevereiro, o projeto “Formação, Diversão e Vanguarda” tem início com uma palestra do jornalista e pesquisador pernambucano Bruno Nogueira falando sobre os novos rumos da música em tempos de internet, velocidade da informação e suas variações. Também vai ser exibido o documentário Hype! (1996), dirigido por Doug Pray e que conta um pouco do que aconteceu na cena grunge de Seatlle nos anos 90. Para fechar a noite tem discotecagem indie e confraternização dos participantes. Toda a programação tem início às 19h.

A primeira ação do projeto “Formação, Diversão e Vanguarda” também marca o começo de uma série de atividades da Casas Associadas, associação nacional que tem como objetivo dar visibilidades as diversas casas e espaços ligados a propagação da nova música brasileira, da qual o Centro Cultural Dosol é sócio fundador. Na ocasião também vai ter uma explanação sobre a associação e seus objetivos.

Além do Dosol, o selo Xubba Musik e o Coletivo Noize também estão na coordenação geral do projeto quem tem patrocínio da Diginet e Praia Mar Hotel via Lei Djalma Maranhão.

SERVIÇO
O QUE? PROJETO “FORMAÇÃO, DIVERSÃO E VANGUARDA”
ONDE? CENTRO CULTURAL DOSOL, RUA CHILE, RIBEIRA
QUANDO? HOJE, DIA 06 DE FEVEREIRO, 19H
ENTRADA? GRATUITA
PROGRAMAÇÃO:
19H – EXIBIÇÃO DO DOCUMENTÁRIO HYPE!
20H – PALESTRA COM O JORNALISTA BRUNO NOGUEIRA
21H – DISCOTECAGEM E CONFRATERNIZAÇÃO.

HOJE: CENTRO CULTURAL DOSOL RECEBE MÚSICA DE VANGUARDA DO BRAISL – ENTREVISTA GIGANTE ANIMAL (SP)

gigante-animal

Hoje às 17h o Centro Cultural Dosol recebe em parceira com o Coletivo Noize algumas bandas que representam a vanguarda da música Domben (RN), Gigante Animal (SP), Civaia (PE) e Nautilus (AL). Confira entravista com o Gigante Animal (SP).

Aproveitando o calor da estação os caras do gigante animal saem da suas tocas para desbravar palcos em terra nordestina. Hora dessas os caras estão aqui do lado[João Pessoa-PB] preparando mais uma apresentação da turnê. Mesmo na correria da estrada arrumaram um tempinho para responder algumas perguntas feitas pelo nosso editor Leandro Menezes com exclusividade para o coletivo Noize.

Fala pra gente como surgiu o Gigante Animal e de onde surgiu esse nome.
A banda surgiu em 2006 tendo uma formação que não durou até o fim do mesmo ano.Eramos eu, henrique e guilherme do extinto college mais um amigo, thiago (http://www.myspace.com/todaessaagua).Por questões próprias Guilherme e Thiago acabam saíndo da banda, mas, felizmente, acabamos por conhecer o Babalu que teve a brilhante idéia de nos apresentar o Renato fechando a formação que segue firme.Quanto a questão do nome, preferimos deixar no mistério pra que cada um tenha sua própria viagem.

Me parece que todos os integrantes do Gigante já tocaram em outras bandas, fala um pouco disso pra gente.
Exato, todos nós já tocamos em outras bandas. Eu e Henrique tocávamos juntos no College (http://www.myspace.com/bandacollege) e tão somente, todavia, babalu e renato já tocaram e tocam em algumas bandas.Babalu, tocou na Karne Krua, Perdeu a Língua, Triste Fim de Rosilene e atualmente toca também no Debate (http://www.myspace.com/debatebate ).Renato tocou no Bandits e atualmente toca junto com Richar Ribeiro ( http://www.myspace.com/richardribeiro) num projeto chamado Porto.

Vocês estão vindo ao Nordeste pela primeira vez – se eu não estiver enganado – e creio que vocês estão se relacionando de muito perto a atividade de “coletivos” como o Lumo e o Noize. Como você vê essa iniciativa voltada para a produção cultural e rockeira aqui na região?
Exato, esta é nossa primeira vinda ao nordeste, que por sinal esta incrível. Vejo, vemos, a banda, com os melhores olhos possíveis, pois o Brasil necessita já há tempo de uma estruturação daquilo que chamamos de circuito independente e, felizmente, isso começa a tomar vida graças ao trabalho de pessoas como vocês do coletivo Noize e Lumo.

Quais os planos para o Gigante Animal nesse ano que se inicia?
Tocar, e tocar, e tocar, sempre. Estamos em fase de produção de um clipe, lançaremos um quarto ep ainda na metade do primeiro semestre e temos como meta lançar um disco no segundo semestre.

Sugestões para o verão: pode ser um disco, um livro… uma praia.

Reclamar menos e fazer mais, mas brincadeiras sérias a parte, a banda sugere para o verão nada mais nada menos do que: o nordeste brasileiro.

O que podemos esperar do show da Gigante Animal próximo domingo aqui em Natal?
Pode-se esperar um show de energia fruto de muito trabalho, amizade e amor pela música, linguagem das mais belas, razão de viver.

HOJE: CENTRO CULTURAL DOSOL RECEBE MÚSICA DE VANGUARDA DO BRASIL. ENTREVISTA COM CIVAIA (PE)

civaia

Hoje às 17h o Centro Cultural Dosol recebe em parceira com o Coletivo Noize algumas bandas que representam a vanguarda da música Domben (RN), Gigante Animal (SP), Civaia (PE) e Nautilus (AL). Confira entravista com o Civaia (PE).

Civaia é uma das atrações do próximo evento do Coletivo Noize que acontece em parceria com o Dosol, o show acontece dia 25 desse mês no Centro Cultural Dosol. Na EntreviZta a banda pernambucana conta um pouco da história da banda e o que esperar do show deles aqui em Natal. Confira!

1 – Fala pra gente como surgiu essa idéia maluca de juntar oito nego pra formar uma banda.
Olá pessoal do Coletivo Noize, é um prazer responder esta entrevista! Bem vamos falar do que interessa. A idéia surgiu quando o nosso antigo baterista saiu. Nessa época a gente queria uma sonoridade tendenciosa pra o jazz, música latina, e a psicodelia nossa de cada dia. Então, a formação era bem restrita, pra que houvesse uma mescla destes elementos, procuramos por um tempo, novos integrantes, mas havia poucas pessoas que tocassem instrumentos que fariam a mistura “necessária”. A gente chamou Yuri pra o sax, Eu (Fernando) sai do baixo e fui para as programações, e a gente chamou Marquinhos que antes não era amigo da gente, para o teclado. Os elementos percussivos, por hora não são fortes, mas estamos cada vez mais atentos pra que cheguem ao ponto que a gente quer. Civaia é: Raimundo Senna, Fernando Moraez, Victor Teodoro, Glauco Bellardy, Marcos Lima, Yuri Stanley, Júnior Buchecha e Paulo Gabriel. Guitarra, Programações e Efeitos, Vocal, Bateria, Teclado, Saxofone, Contra-Baixo, e Guitarra.

2 – Aproveita e fala também desse nome pouco comum, Civaia. O que significa?

O Significado do nome Civaia, veio de um almoço na casa de Dona Amélia, avó de Victor (Vocal), em que ela falava das tradições Angolanas, e mostrou um coral o qual ela fazia parte. Tinha um refrão muito envolvente, que eles iniciavam em umbundo falando a palavra Civaia. Civaia significa louvar, louvar um ser, algo maior do que nós.

3 – Na sua opinião, qual a importância do surgimento de mais um coletivo voltado para a produção cultural e rockeira aqui na região? De quebra, nos fale sobre como anda as coisas em Recife nesse sentido.
Cara é justamente isso, um coletivo rockeiro! Achamos que o que faltava era isso, existem muitos outros que a gente poderia citar aqui, mas na cena local, não havia um coletivo desta maneira. O Cordel do Fogo Encantado e a Nação Zumbi, são fortemente percussivos, chegam a usar outros elementos interessantes, e acho que são eles que a gente poderia citar pra responder esta pergunta.

4 – Quais os planos para o Civaia nesse ano que se inicia?
Os planos são muitos! Terminar os arranjos de todas as músicas e gravar, e ter um repertório vasto. Mas uma de nossas metas, é participar do Microfonia, e do Coquetel Molotov, eventos que tem muita repercussão por aqui e os quais julgamos serem muito relevantes pra nossa carreira.

5 – Sugestões para o verão: pode ser um disco, um livro… uma praia.
Caramba! Disco é pau de dizer assim, tem muitos discos que a gente gosta muito e que poderia citar, mas um livro que eu acho que vale muito a pena de ser lido e relido, é O Grande Abismo de C.S Lewis, onde ele retrata de forma metafórica algumas verdades, não vou falar mais nada, leiam.

6 – O que podemos esperar do show da Civaia próximo domingo aqui em Natal?
Muita loucura no som ! Rock doido e Diversão.

Quem pergunta? Leandro Menezes
Quem responde? Fernando Moraez

HOJE: CENTRO CULTURAL DOSOL RECEBE MÚSICA DE VANGUARDA DO BRASIL – ENTREVISTA DOMBEN

domben2

Hoje às 17h o Centro Cultural Dosol recebe em parceira com o Coletivo Noize algumas bandas que representam a vanguarda da música Domben (RN), Gigante Animal (SP), Civaia (PE) e Nautilus (AL). Confira entravista com o Domben (RN).

O Domben será a representante potiguar do próximo evento do Coletivo Noize trocamos uma idéia com os caras, confira a entrevista e conheça um pouco mais sobre a banda.

1 – Fala pra gente como foi que surgiu a banda e de onde vocês tiraram esse nome.
A banda surgiu em meados de 2007, no começo era Moysés, Guilherme e eu, depois encontramos um tecladista, João Gilberto, que já saiu, e depois Waldemar pra bateria. Começamos a ensaiar algumas coisas no apartamento de Guilherme, compondo, criando e depois fomos pra estúdio. Só subimos num palco em 2008, no festival novas do dosol. O nome da banda é o que todo mundo pensa mesmo, uma alusão a Jorge Ben, nós gostamos muito do som dele.

2 – Há quem diga que a Domben é a banda mais pernambucana de Natal. Qual é a relação de vocês com a música que é feita em recife. Alguém da banda é de lá?
Bixo, eu sou pernambucano, gosto de muitas coisas que são feitas por lá, o pessoal da banda também. Talvez as pessoas pensem assim da nossa banda porque procuramos experimentar novas estéticas no nosso som e isso é muito atrelado ao que as bandas lá de Pernambuco fazem. Mas o que posso dizer que não nos prendemos só ao que é feito lá, estamos sempe a procura de coisas novas.

3 – Na sua opinião, qual a importância do surgimento de um novo coletivo voltado para a produção cultural e rockeira local?
Sempre acreditei naquela parada de que a união faz força, fiquei bastante empolgado quando soube que a gente iria tocar no evento que o Coletivo Noise estava promovendo, acho que este é mais um canal para o fomento da arte como um todo na cidade, idéias novas são sempre bem vindas e se bem aproveitadas, certamente, darão bons frutos.

4 – Quais os planos para o ano que se inicia?
A idéia é de entrar estudio para gravar ainda no primeiro semestre, participar de boa parte dos festivais locais e se possível fazer alguns shows em outros estados.

5 – Sugestões para o verão[pode ser um disco, um livro… uma praia…
Cara, tem um tempo já que eu venho mergulhando no mundo do trip-hop, conheci o Zero 7, da Inglaterra, e estou ouvindo bastante o disco The Garden, de 2004, o José González participou desse disco com eles e ficou da hora. Pra quem não se liga muito nessa estética, o Zero 7 é um ótimo cartão de visita e é bem legal de ouvir na praia.

6 – O que podemos esperar do show da Domben próximo domingo?
Um bom show.

Quem pergunta? Leandro Menezes
Quem responde? Cássio Augusto

3º PRÊMIO ROCK POTIGUAR CONSAGRA O SEUZÉ

Com 7 troféus o SeuZé foi o grande vencedor do Prêmio Rock Potiguar 2008. A turma ganhou em várias categorias e ainda arrastou prêmios individuais de compostior, instrumentista e outros. O Dosol também foi um dos combos mais premiados com Anderson Foca levando o troféu de melhor produtor artístico e melhor produtor cultural.

O melhor evento do ano também veio pro Dosol com o já histórico show do Matanza no Festival Dosol 2007. Veja todos os ganhadores:

Melhor site de banda de rock do RN em 2007
www.seuze.net

Melhor produtor cultural rock do RN em 2007

Anderson Foca

Melhor jornalista cultural rock do RN em 2007

Isaac Ribeiro (Tribuna do Norte)

Melhor produtor musical rock do RN em 2007
Anderson Foca

Melhor Música rock do RN em 2007
Blues Ilegal (MobyDick)

Melhor letrista / compositor rock do RN em 2007
Lipe Tavares

Melhor vídeo-clipe de banda de rock do RN lançado em 2007
Ana Razão (SeuZé – Direção: Nueva Onda)

Melhor CD de banda rock do RN lançado em 2007
A Comédia Humana – Solidão (SeuZé)

Melhor instrumentista de percussão rocker do RN em 2007

Xandi Rocha

Melhor instrumentista de cordas rocker do RN em 2007
Ticiano D’Amore

Melhor vocalista rock do RN em 2007
Lipe Tavares

Melhor banda rock do interior do RN em 2007
SubGrave (Pau dos Ferros)

Revelação musical rock do RN em 2007

Lunares

Melhor show de rock realizado no RN em 2007
Matanza (Festival DoSol)

Melhor banda rock do RN em 2007
SeuZé

ROCK POTIGUAR: BANDAS POTIGUARES TOCAM PELO NORDESTE NO FINAL DE SEMANA

Duas bandas potiguares rodam o Nordeste neste final de semana. O Camarones Orquestra Guitarrística e o Calistoga tocam amanhã no Festival Mundo. O Calistoga segue viagem e também toca em Recife na segunda edição da festa organizada pelo Lumo Coletivo no Quintal de Lima.

Em novembro as duas bandas continuam shows pelo interior do RN em mais uma etapa da Dosol Tour.