Nacional, Notícias

LUCIANO MATOS (BA): TEMPOS BONS E NOVOS

Por Luciano Matos, Salvador (BA)

Conteúdo: Blog ElCabong

No último domingo, o principal jornal do estado deu na capa de seu caderno de cultura que o rock progressivo completava 40 anos. Enquanto isso a cidade, ou uma pequena parcela dela, se despedia do II Fórum Música Mercado e Tecnologia. Alguns nomes relevantes do mercado musical estiveram por aqui discutindo, ensinando e tocando. Bom público, poderia ser melhor, boas discussões e a sensação de que há cada vez mais gente interessada em melhroar suas produções por aqui. O programa Radioca fez uma cobertura do evento que vai ao ar nesse domingo, às 17 horas, na Educadora FM. Mesas sobre Organizações Associativas, Exportação de Música, Jornalismo Musical, entre outras, fora alguns dos atrativos. Fora isso, muitos shows bacanas, num pequeno, mas eficiente panorama do que vem sendo feito de boa música pelo Nordeste. Com um bom público presente no Pelourinho, Wado e Cidadão Instigado mostraram porque estão entre os melhores nomes da nova safra da música brasileira, além de boas e gratas revelações, como a dupla sergipana meio White Stripes, The Baggios. Teve ainda o bom dos baianos da Quixabeira da Lagoa da Camisa e do Subaquático e os pernambucanos da Orquestra Contemporânea de Olinda.
Além do Fórum, várias outras atividades tornaram mais um fim de semana bem saboroso na capital baiana (de Jorgen Ben a Cascadura, do lançamento do Aguarraz ao Baile Esquema Novo e por ai vai), aquela em que outrora só se ouvir um tipo de som. O melhor é que a programação na cidade continua recheada. Você pode pesquisar na agenda aqui do lado ->, mas vamos te ajudar.

Nem todos souberam, mas na semana passada começou o IIº Phoenix Jazz Festival de Praia do Forte, com a seguinte programação:

Deu pra perceber? Stanley Jordan, Yamandú Costa, Hermeto Pascoal, Manoel Miranda, Spok Frevo Orquestra, Steve Coleman (EUA), entre outros, de graça em Praia do Forte.

Tá bom, jazz não é sua praia. Tem ainda shows bem interssantes por aqui: Cascadura, Vanguart e Móveis Coloniais de Acajú no Pelourinho, Nasi e Reespública no Groove Bar, Convenção de Tatuagem, Mallu Magalhães, Retrofoguetes, Theatro de Seráphin, entre vários outros.

Nenhuma novidade? Que tal o norte-americano Bonnie “Prince” Billy? Considerado pelo The Observer o maior compositor norte-americano dos anos 90, ele vem a Salvador para um dos quatro shows que fará no Brasil (São Paulo, São Carlos e Porto Alegre, são as cidade além da capital baiana que recebe o músico. Bonnie, também conhecido como Will Oldham e que encabeçava os projetos Palace, Palace Songs e Palace Brothers, se apresenta no dia 28 na Boomerangue. Na mesma noite o projeto Dois em Um

Ainda tem o Mercado Cultural, que se perdeu um pouco de sua força, ainda tem relevância e vai trazer bons nomes para a cidade.
Entre as atrações este ano estão Jards Macalé, La Revuelta (Colômbia), Nico Okkerse – Silent Disco (Holanda), PercaDu (Israel), Alejandro Vargas Cuarteto (Cuba), Fernanda Takai, André Abujamra, além de nomes locais.

Mais pra frente devem pintar outros gringos por aqui. O projeto/ banda Little Joy de Rodrigo Amarante (Los Hermanos) e Fabrizio Moretti (Strokes), fará uma turnê pelo Brasil de 23 a 31 de janeiro Festival de Verão? Bem possível, mas pode nem ser. Vamos aguardar. O show tá confirmado no Rio, SP, BH e… Salvador. Tá bom, mas pode ser melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *