Editorial

EDITORIAL DOSOL: UM RAMONE NO MEU SHOW

marky

Por Foca

Com esta primeira semana de outubro começando fica ainda mais próxima a edição de 2010 do Festival Dosol, nossa maior movimentação anual em termos de música e cultura. Todos os anos é um verdadeiro dilema montar o lineup, convidar as bandas e negociar. É a parte mais complicada da história e também a mais cara (só esse ano quase 120.000,00 do orçamento do festival, serão gastos diretamente com bandas).

Nessa equação maluca de todos os anos sempre sobra sonhar com aquela banda que você curte ou elocubrar sobre algo perto do impossível, mas que só quem tenta consegue realizar. Foi assim que terminou o Festival Dosol 2005 que sonhei em trazer pelo menos um dos Ramones à Natal numa edição do evento.

Em 2006, com uma boa captação, já ficamos em cima do projeto e mandamos vários emails. Conseguimos fechar com o Marky Ramone, na época junto com os Intruders mas infelizmente não conseguimos bater o martelo 100% do projeto e a data de Natal rumou para Curitiba. Fiquei abalado, engoli o choro mas não desisti da ideia.

Passaram-se os anos e o Festival Dosol aumentou em conteúdo. Formamos uma equipe vencedora e que tem muita interação com a cena do estado. Conseguimos no decorrer dos anos crescer organizadamente e fazer um evento sólido, sem afetação e quase sempre com as bandas que queríamos. Nossa relação internacional aumentou muito culminando com a vinda de artistas como as The Donnas (EUA), Vivisick (Japão), Danko Jones (Canadá), entre outros. Era a hora certa de tentar um novo bote e conseguir que um Ramone estivesse no meu show.

De novo mandamos emails, potencializamos alguns contatos e sugerimos o nome do Marky Ramone novamente para tocar no Dosol. Dessa vez a coisa foi diferente, em menos de uma semana a nossa resposta foi afirmativa e finalmente Natal vai poder ver ao vivo uma das maiores lendas vivas do rock mundial (pelo menos para mim).

Dizem que você consegue falar com qualquer pessoa do mundo por intermédio de cinco pessoas. Eu conheço você, que conhece um americano, que conheceu um roadie que conhece um produtor que fez o disco dos Ramones. Acredito nisso e acredito em trabalho para ver nossos sonhos se realizarem. Tente você também!

Te esperamos no Festival Dosol, até a próxima!

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *